Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Saiba porque as mulheres do RS precisam ter mais cuidado com a prevenção do câncer de mama no evento do dia 25 promovido pela ESA/RS, CMA e CAA

A prevenção é uma forma de cuidarmos de nossa saúde, pensando nisso, e integrando a campanha de prevenção Outubro Rosa, a Escola Superior de Advocacia da OAB/RS (ESA/RS), em parceria com a Comissão da Mulher Advogada (CMA) e a Caixa de Assistência dos Advogados do Rio Grande do Sul (CAA), realizarão na sexta-feira (25), das 9h às 11h30, o evento "ESA/RS no Outubro Rosa". O evento é gratuito, e as inscrições podem ser feitas pelo portaldoaluno.oabrs.org.br.   A diretora-geral da ESA/RS, Rosângela Herzer dos Santos, ressalta a importância do evento no intuito de levar conhecimento e esclarecimento para as advogadas, no que desrespeito ao câncer de mama. “Convidamos a advocacia gaúcha, principalmente as advogadas, para participarem do evento e tirarem suas dúvidas sobre a prevenção do câncer. Também, a Escola agradece a parceria com a CMA e com a CAA, que terá a realização de exames gratuitos para a advocacia no dia do evento”. O professor titular de oncologia da faculdade de medicina da UFRGS, ganhador do prêmio Eva Sopher e do prêmio Açorianos de personalidade da cultura do ano de 2018, Gilberto Schwartsmann, primeiro palestrante do evento, tratará em sua palestra do tema “O que fazer pela própria saúde”, em que ressalta que o público presente também é um forte elemento de transição do conhecimento, podendo disseminar em suas famílias e seu ambiente de trabalho os conhecimentos vistos, então o professor orientará os presentes em sua palestra com uma série de ações a serem desenvolvidas para a prevenção de doenças. “Em minha palestra, usarei como exemplo o Estado do Rio Grande do Sul, onde os órgãos de saúde pública, no estado do Rio Grande do Sul, realizam várias campanhas para que se tornem conhecidas as doenças responsáveis pela morte dos gaúchos as quais podemos detectar precocemente e interferir em seu curso mais cedo, então discutirei esses aspectos e também o câncer de mama, que além de ser um dos temas, também é um dos fatores mais causadores de doenças e mortes no mundo”, afirma Schwartsmann. Sobre o exame de mamografia, para as mulheres que moram no Estado do RS, o professor e doutor aconselha: “No Rio Grande do Sul, se possível, ao contrário do resto do país, em que as mulheres começam a fazer com 50 anos a mamografia, deve-secomeçar com 40 anos, e famílias com riscos específicos devem começar até antes dos programas de detecção precoce e de prevenção. A mamografia ainda é o grande instrumento de detecção. Ela pode detectar a doença bem pequena, quando está no início, e também pode detectar lesões que são pré-câncer, para então removermos essas lesões, podendo se evitar que um tumor apareça. Então, acho que é uma oportunidade muito interessante que a OAB/ESA/RS está me proporcionando, de poder discutir esse problema com as pessoas”. A advogada, mestre em Direitos Humanos, Delma Silveira Ibias, segunda palestrante do evento, tratará do tema “o câncer me pegou no contrapé, mas venci de goleada por 3x0”. “Recomendo os exames preventivos sempre, independente de já termos antecedentes familiares. O jargão, quem procura doenças acha, não pode prevalecer. O que deve ser lema é: quem procura, se salva. Faça sempre os seus exames preventivos!”, ressalta Delma. A Caixa de Assistência dos Advogados promoverá uma série de serviços gratuitos de saúde para a advocacia, que incluirá fisioterapeuta, com serviços de auriculoterapia. Também haverá exames preventivos: aferição de pressão, teste de glicose, triglicerídeos, colesterol e hepatite C.
18/10/2019 (00:00)
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.