Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

O Judiciário não para: Justiça gaúcha mantém produtividade em trabalho remoto

O Judiciário não para: Justiça gaúchamantém produtividade em trabalho remotoDados do Conselho Nacional de Justiça demonstram que a Justiça estadual gaúcha está entre os tribunais mais produtivos do país, em trabalho de forma remota em decorrência da pandemia de Coronavírus. No período de 18 a 24 de maio, o TJRS ficou em 4º lugar, com 681.818 despachos, e em 6ª colocação quanto ao número de sentenças e acórdãos: 186.040.Os dados evidenciam que mesmo tendo um menor número de processos eletrônicos do que físicos, o trabalho segue em ritmo acelerado, com a dedicação de servidores, trabalhadores terceirizados e estagiários, conectados com os magistrados.Dados do CNJ atestam produtividade da Justiça gaúchaOs processos eletrônicos, por serem mais novos, acumulam o maior número de atos por se encontrarem nas fases iniciais do trâmite.Processos físicos estão sendo manuseados em casos de urgência e quando os magistrados avaliem ser possível, sem colocar em risco a saúde dos operadores.Na Capital e em persas comarcas, já é possível aos Advogados solicitarem os autos em papel para digitalizá-los.Em paralelo, o TJRS direciona recursos para o combate à COVID-19, com mais de R$ 15 milhões destinados para entidades de saúde do Estado e Municípios.#OJudiciárioNãoPara.#SePuderFiqueEmCasaEXPEDIENTETexto: Fábio BertiAssessora-Coordenadora de Imprensa: Adriana Arendimprensa@tjrs.jus.br Publicação em Wed May 27 11:19:00 BRT 2020 Esta notícia foi acessada: 18 vezes.
27/05/2020 (00:00)
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.